A cura pelo pensamento é possível? Entenda a relação entre as doenças e nossas emoções

Nosso corpo físico está diretamente ligado à nossa mente e alma. Para estar realmente saudável é preciso cuidar dos três de maneira igual, pois quando um não está bem, os outros dois podem externar essa condição.


É muito comum sentirmos mal estar físico quando estamos estressados, ansiosos ou com medo. Isso nos mostra que a nossa mente tem poder sobre o nosso corpo. Se ela é capaz de nos fazer adoecer, será então que a cura pelo pensamento é possível?


Qual o poder da mente no corpo?

Os cientistas já provaram que as palavras têm poder sobre as moléculas de água. Em um experimento foi observado que a água exposta a músicas de diferentes estilos e palavras boas e ruins, reagiram de formas distintas, as moléculas ficaram com formatos diferentes.

Àquelas que foram expostas a música clássica e palavras amorosas ficaram prioritariamente mais claras e com um formato mais bem definido. Já a água que estava em uma sala com música mais agitada e palavras negativas, tende a ficar mais turva e com formato menos definido, provando o poder que as palavras têm sobre elas.


Nosso corpo é composto majoritariamente por água. Logo, podemos entender como as palavras e pensamentos têm uma forte influência sobre nós.


Os antigos já percebiam a influência dos sentimentos no corpo humano. Na China, os tratamentos holísticos são usados há muitos anos, trazendo resultados satisfatórios para a saúde e bem estar dos pacientes.


Você já deve ter percebido como alguns eventos influenciam na sua saúde. É comum termos dores de barriga ao ficar muito ansioso ou dor de cabeça quando temos um dia estressante, por exemplo. Podemos então pensar que se as nossas emoções e pensamentos afetam diretamente a nossa saúde, ao aprender a lidar com eles e entender de onde eles vêm, a cura pelo pensamento é possível.


E como as doenças começam, na visão do Thetahealing?

Dentro do Thetahealing acredita-se que essa conexão entre o corpo e a mente é a chave para entender de onde vem as doenças e o mal estar físico que sentimos.


Como terapia holística, a técnica do Thetahealing busca o equilíbrio entre corpo, mente e espirito. É preciso entender qual crença limitante ou qual aprendizado está sendo externado na forma de determinada doença ou dores.


Em alguns casos, não nos curamos por acreditar que aquela doença é incurável, ou por não ter entendido ainda qual o ensinamento que ela pode nos trazer. Trabalhar essas crenças é um grande passo em busca da cura. Lembrando que a técnica não substitui nenhum remédio ou tratamento recomendado pelo médico.


Mas então, como encontrar a crença e buscar a cura pelo pensamento?

Encontrar a crença limitante que está, muitas vezes, impedindo a sua cura, é um trabalho de autoconhecimento profundo. Essa busca pode ser feita através de uma sessão de Thetahealing onde um terapeuta pode te ajudar nessa caminhada. Você pode ainda fazer os cursos da técnica para aprender mais sobre o tema e ajudar tanto a si mesmo como outras pessoas nessa busca pelo autoconhecimento.


O que é preciso para ser um Thetahealer e trabalhar crenças limitantes?

Dentro da técnica existem vários cursos que irão te ajudar a trilhar esse caminho. Você deve sempre começar pelo DNA Básico e ir avançando na técnica.


Um dos cursos que irá ajudar a entender mais profundamente sobre o funcionamento do corpo humano e as crenças ligadas às doenças é o Anatomia Intuitiva. Nesta imersão os alunos aprendem mais sobre os sistemas do corpo humano e seu funcionamento e as crenças e emoções ligadas a cada um deles. Para participar do Anatomia Intuitiva é preciso ter feito os cursos do ciclo básico, até o Aprofundando no Digging.


Outro ponto importante é que o curador deve trabalhar algumas crenças limitantes em si mesmo antes de começar a ajudar o próximo, pois suas crenças e emoções também podem interferir no sucesso da sessão. Além de, muitas vezes, fazerem com que o terapeuta atraia para si as energias do cliente.


Alguns exemplos de crenças que podem ser testadas*:

  • Eu sei qual é a sensação de viver sem tomar para mim a doença das pessoas;

  • Eu sei como converter doença, emoções, programas e crenças em amor e luz, os quais são enviados para o Criador e devolvidos a mim;

  • Eu sei que é possível usar minhas experiências com sabedoria.

As doenças são provenientes de pensamentos e situações que vivemos e é preciso buscar qual foi a raiz daquela crença. Outro ponto que pode ser trabalhado é entender o que a desencadeou, isso pode ajudar a evitar que ela apareça no futuro, uma vez que podemos nos preparar psicologicamente e emocionalmente para tais eventos.


Para manter a mente e corpo saudáveis é preciso ter uma boa alimentação, fazer exercícios físicos e buscar práticas que nos ajudem emocionalmente, como yoga, meditação, terapias, etc. Tudo isso ajuda a manter o equilíbrio necessário para o nosso bem estar.


Se você tem interesse em fazer os cursos do Thetahealing dê uma olhada na nossa agenda. Se prefere começar com uma sessão individual com nossa especialista, marque o melhor horário agora mesmo!


*Todas as crenças foram retiradas do livro “Thetahealing doenças e desordens” da Vianna Stibal